Centenário e Clínica de Hemodiálise celebram acordo

A exemplo do que já ocorreu com outros prestadores de serviço, que aceitaram negociar a redução de valores de seus contratos com o Hospital Centenário em razão da crise financeira pela qual passa a instituição, nesta sexta-feira, dia 21, também a Clínica de Hemodiálise de São Leopoldo celebrou acordo em que voltará repassar ao Hospital 10% do valor recebido do Ministério da Saúde para a prestação do serviço, já a partir deste mês.

Segundo o presidente do Centenário, Nelson Piovesan, a maior participação de todas as empresas terceirizadas auxiliará no aumento da receita do Hospital. “Vivemos uma situação financeira dramática. Por isso, estamos muito satisfeitos com este acordo com a Clínica de Hemodiálise, com esta parcela de contribuição que estão dando para ajudar neste momento de crise”, salientou, lembrando que o custo mensal do Hospital é de R$ 9 milhões, sendo que o Governo Federal repassa R$ 2,3 milhões, o Estado R$ 235 mil, e o Município R$ 4,5 milhões. “O déficit mental é de R$ 1,5 milhão ao mês, por isso, temos a necessidade de medidas urgentes e responsáveis para garantir a continuidade do atendimento com qualidade aos pacientes”, alertou.

A médica nefrologista e uma das sócias da Clínica, Jane Linn, também ficou satisfeita com o fim do impasse. “Aceitamos voltar ao percentual anterior de repasse porque reconhecemos que é hora de ajudar e porque também queremos fazer a nossa parte. O Hospital funcionando bem também funcionamos bem”, enfatizou.

Hemodiálise

Centenário elabora planejamento estratégico para os próximos quatro anos

O planejamento das ações do Hospital Centenário para os próximos quatro anos está sendo retomado à luz das novas realidades e demandas da instituição e será definido em conjunto pela Administração e pelos funcionários da instituição. Um grupo de representantes das categorias de servidores participou, na quarta e quinta-feira (dias 5 e 6 de junho) na Unisinos, do seminário sobre o Planejamento Estratégico 2017/2020. O prefeito Ary Vanazzi e o reitor da Unisinos, Padre Marcelo Fernandes de Aquino, prestigiaram a abertura dos trabalhos. A Secretaria Municipal de Saúde foi representada pela secretária adjunta Quelen Alves.

O desafio de desenhar as ações em sintonia com a nova realidade do Hospital, no momento em que se prepara para ser campo de prática aos estudantes de Medicina da Unisinos, recebe atenção especial da Universidade, que disponibilizou consultoria especializada ao Centenário. “Temos aqui a parceria da Unisinos e a representação das categorias dos funcionários trabalhando na construção do planejamento estratégico, mas criaremos canais de comunicação para que todos tenham oportunidade de participar e expor suas ideias ao longo das próximas semanas de elaboração do plano”, informou o presidente do Centenário, Nelson Piovesan.

Arregaçar as mangas e refletir sobre o que é possível fazer nos próximos anos para tornar o Centenário um bom hospital é a proposta do reitor da Unisinos, Padre Marcelo Fernandes de Aquino. O reitor falou também sobre a implantação do curso de Medicina, destacando a parceria com o Centenário. “O Centenário está no coração estratégico da nossa universidade. Devemos ter uma visão estratégica de como contribuir para o Centenário que podemos”, destacou.

Para o prefeito Ary Vanazzi, a participação de representantes de todos os setores do Hospital é o primeiro passo para um planejamento que efetivamente funcione. “Precisamos apontar a saída para o hospital sair da crise, indicar caminhos para avançar com autonomia”, disse o prefeito. Vanazzi também disse acreditar que o desafio é a construção de um grande complexo hospitalar, inovador sob o ponto de vista da tecnologia e do atendimento à população. “Um hospital que seja uma referência para o Estado e para o Brasil”, projetou.

 

05-07-2017- Seminário Planejamento

05-07-2017- Seminário Planejamento_principal

Novo espaço do Ambulatório de Especialidades garante atendimento mais humanizado

Pacientes de São Leopoldo e de outros municípios que semanalmente vêm ao Hospital Centenário para consultas com especialistas terão mais conforto e praticidade no atendimento. A partir desta sexta-feira, dia 23, o Ambulatório de Especialidades deixa de funcionar junto à área de circulação de pacientes em atendimento no Pronto Socorro e passa a atender em um prédio anexo, ao lado da Oncologia Centenário. A inauguração do novo espaço ocorreu nesta manhã, com a presença do prefeito Ary Vanazzi, do secretário de Saúde Fábio Bernardo, do presidente do Centenário, Nelson Piovesan, e de funcionários da instituição.

Em média, são feitas 260 consultas semanais para as especialidades de Traumatologia, Neurocirurgia, Neurologia, Urologia, Cirurgia Toráxica, Cirurgia Oncológica, Mastologia, Nefrologia e Oncologia. Isso significa um fluxo de, aproximadamente, 2.400 pessoas, entre pacientes e acompanhantes que semanalmente circulam pelo hospital devido às consultas e retorno para entrega de laudos e exames. Para Piovesan, a questão vai além do novo espaço ser maior e mais confortável, trata-se de humanização. “Hoje, os pacientes que aguardam por consultas, e que muitas vezes estão fragilizados, presenciam a rotina dos pacientes que estão em atendimento no Pronto Socorro quando estes são conduzidos em macas ou em cadeiras de rodas pelo mesmo corredor de espera para as consultas do Ambulatório”, acrescenta.

Ao reconhecer a importância deste novo espaço para as consultas como uma das mudanças necessárias no âmbito do atendimento do Centenário, o prefeito Ary Vanazzi salientou a proximidade e o diálogo constante de sua administração com o Hospital, no sentido de sua real integração como unidade da rede de Saúde, bem como o reforço da UPA e das demais unidades de Saúde. “Precisamos trabalhar cada vez mais para atender melhor e diminuir o sofrimento das pessoas”, enfatizou. O prefeito também ressaltou o momento histórico que o Centenário está vivendo, com a proximidade de se tornar hospital de ensino, sagrando-se campo de prática para os alunos do curso de Medicina da Unisinos. “Depois de tudo o que sofreu, nosso hospital vai virar hospital escola e será modelo para todo o Brasil”, projetou.

Em sua fala, o secretário de Saúde Fábio Bernardo dirigiu-se aos funcionários garantindo-lhes que sua gestão à frente da pasta será de aproximação com os trabalhadores. “Não basta termos recursos. Esses são poucos, mas iremos buscá-los. Teremos diálogo constante com os trabalhadores e as trabalhadoras, e, com eles, melhoraremos a estrutura da rede para que esta dê retaguarda ao Hospital”, garantiu.

 

Fotos: Charles Dias

23_06_2017_ Inauguração Ambulatório23-06-2017- Inauguração Ambulatório 1

23-06-2017- Inauguração Ambulatório 23

Registros de Enfermagem são tema de capacitação

Enfermeiras/os, técnicas/os e auxiliares de Enfermagem do Hospital Centenário participam, na tarde desta quarta-feira, dia 14, da capacitação Registros de Enfermagem. A atividade, realizada por meio de uma parceria entre o Centenário e o Conselho Regional de Enfermagem (Coren-RS), é ministrada pelo presidente do Coren RS, enfermeiro Daniel Menezes de Souza, no auditório da Oncologia Centenário.
Durante a execução das suas atividades, os profissionais da equipe de enfermagem devem registrar em prontuário físico ou eletrônico todos os passos da assistência prestada ao paciente. O Registro de Enfermagem permite a continuidade do planejamento dos cuidados de enfermagem nas diferentes fases, inclusive para o planejamento assistencial da equipe multiprofissional. Ele também é um documento legal de defesa dos seus profissionais e subsidia elementos para a pesquisa e informações nos âmbitos administrativo e clínico para a auditoria em enfermagem.

14_06_2017 Capacitação Coren (6)

14_06_2017_capacitação_Coren_cel

Centenário faz mutirão para zerar fila por procedimento

A equipe de Neurocirurgia do Hospital Centenário realizou, na tarde desta sexta-feira, dia 9, a primeira das oito etapas do mutirão para o procedimento denominado Prolongado do Sistema Nervoso Periférico, mais conhecido por bloqueio peridural. O mutirão beneficiará 59 pacientes com diagnóstico de dor lombar decorrente de processo degenerativo, que aguardavam desde o início de 2016 na fila pelo procedimento, e vai zerar a fila de espera.

Com duração de 30 a 40 minutos, a técnica consiste na aplicação de medicamento através de uma agulha, num processo semelhante ao da anestesia raquidiana. O resultado esperado é o controle da dor na região. Menos invasivo e com anestesia local, o procedimento requer apenas 24 horas de internação, com retorno ao Hospital após três a quatro semanas para avaliação do resultado.

Aos 37 anos, a atendente de pizzaria Elida Pedretti costuma sentir muita dor. É para casos como o dela, diagnosticada com discopatia degenerativa na vértebra L5-S1, que durante as crises sente dor intensa na coluna irradiada para as pernas, que o bloqueio peridural é indicado. “Já cheguei a ficar 15 dias sem conseguir caminhar”, contou enquanto aguardava na Sala Pré-Operatório. Confiante, Elida espera resolver o problema sem necessidade de cirurgia.

As próximas etapas do mutirão ocorrerão nos dias 9, 16, 23 e 30 de junho e 7, 14, 21 e 28 de julho.

O serviço de Neurocirurgia do Hospital Centenário é prestado pelo Centro Avançado de Neurologia e Neurocirurgia (Ceanne).

09_06_2017 Multirão Cirurgia 2

09_06_2017 Multirão Cirurgia 4

Vanazzi prestigia encontro de capacitação de visitadores espirituais

Um olhar, um aperto de mãos, um ouvido atencioso, palavras gentis que levam conforto e otimismo a uma pessoa doente, acolhendo-a e consolando-a. Movidos pelo propósito de ajudar o outro, cerca de 130 representantes de pelo menos 15 denominações religiosas se reuniram neste sábado, dia 27, para a segunda e última etapa do curso de capacitação de visitadores espirituais do Hospital Centenário.

Acompanhado do presidente do Centenário, Nelson Piovesan, o prefeito Ary Vanazzi prestigiou o encontro e relembrou os primeiros passos da formação da Comissão de Padres, Pastores e Visitadores Espirituais, iniciada há sete anos. “Foi um processo demorado até a construção do que temos hoje, mas valeu a pena o esforço e a dedicação porque estávamos convictos da importância dos visitadores para a instituição e para os pacientes”, destacou.

Para Vanazzi, quando alguém se compromete desta forma com o outro, o faz movido por sentimentos de fé, carinho e fraternidade. “Eu agradecerei eternamente a vocês por este despojamento, porque vocês desenvolvem uma atividade vinda direto da alma em benefício do outro, que podemos não enxergar, mas que faz muito bem”, reconheceu, lembrando que também os visitadores se beneficiam dos contatos com os pacientes. “Eles nos ensinam muito, com suas experiências, suas histórias, e nossa vida é um constante aprendizado, até o último dia.”

Os visitadores desenvolvem suas atividades com os pacientes das unidades de internação do Centenário diariamente, no horário das 15h às 16h30min, revezando-se de acordo com uma planilha de visitas organizada pela Comissão. Eles também fazem visitas em casa ou aos familiares, quando solicitado.
Fotos: Charles Dias

27-05-2017- Capacitação Visitdores 127-05-2017- Cspacitação Visitadores

Capacitação para visitadores espirituais

Ocorre no próximo sábado, dia 27, a segunda e última etapa do curso de capacitação de visitadores espirituais do Hospital Centenário. Será na Capela do Centenário, das 8h às 12h. Coordenado pela Comissão de Padres, Pastores e Visitadores Espirituais, a capacitação reuniu, em sua primeira edição, realizada no último sábado, mais de 100 pessoas no auditório da Oncologia.

Diariamente, das 15h às 16h30min, os pacientes que se recuperam nas unidades de internação recebem as visitas. “Eles trazem palavras de conforto, otimismo, ouvem os pacientes que desejam falar e estendem este apoio a família, quando é requisitado”, explica a psicóloga do Centenário Loide Machado.

20_05_2017 Palestra Religiosa (8)

De volta ao HC, Schroder fala sobre maquiagem e autoestima

Ele está em casa. Recebe a cada uma que chega  com um beijo carinhoso e comentários do tipo: “Que bom te ver, fica à vontade, a casa é tua” ou “Mais um beijo, que é  para se um dia eu voltar tu cuidar bem de mim”. Ele é Carlos Von Hohendorff Schroder, cabeleireiro e maquiador famoso, e um apaixonado pelo Hospital Centenário, onde nasceu e renasceu, como gosta de dizer.  “Eu faço qualquer coisa que me pedirem pelo Hospital Centenário, é só me chamarem que eu venho na hora, assim como fizeram comigo quando estive internado e fui muito bem cuidado”, promete.

Schroder palestrou na 20ª Semana da Enfermagem – Cuidando de quem cuida. Enquanto fazia uma demonstração de maquiagem na modelo Júlia Tacques,  passava dicas importantes para as funcionárias acertarem na hora de se maquiar e também dos produtos mais adequados e onde encontrá-los. . “Se a pessoa está com uma corzinha, parece que ela quis se enfeitar para vir nos receber”, diz ele.

17_05_2017 Palestra Maquiagem 1 (5)17_05_2017 Palestra Maquiagem 1 (3)

 

Parabéns, enfermeiras e enfermeiros!

Um café da manhã especial reuniu parte da equipe de enfermagem do Hospital Centenário na manhã desta sexta-feira, Dia do Enfermeiro(a). Antes de voltar às atividades do dia, pausa para uma foto. Com este registro, homenageamos todos os enfermeiros e enfermeiras do Hospital Centenário, expressando profundo reconhecimento pela dedicação e compromisso desses profissionais com o cuidado das pessoas.12_05_2017 Semana da Enfermagem 1

Centenário promove a 20ª Semana da Enfermagem

Com o tema “Cuidando de quem cuida”, o Hospital Centenário promove, entre os dias 12 e 20 de maio, a Semana da Enfermagem. Na programação, palestras motivacionais com enfoque na autoestima, nutrição, saúde e empatia, sessões de cinema, café da manhã e lanche especiais. Em sua 20ª edição, a semana é voltada a homenagear e valorizar a categoria com o maior número de funcionários da instituição: são 67 enfermeiros/as, 217 técnicos de enfermagem e 120 auxiliares. Em 12 de maio comemora-se o Dia do Enfermeiro/a. No dia 20, o Dia do Técnico/a de Enfermagem e do Auxiliar de Enfermagem. Confira a programação!

Card-Programção-Semana-da-Enfermagem